12 de agosto de 2009 | By: Rita Seda Pinto

Francisco de Assis

Amar Francisco de Assis é fácil...
Difícil é viver como viveu!
Deixar riqueza e conforto
Deixar a casa paterna,
Deixar alegres noitadas
Deixar de fazer serenatas,
Abandonar os amigos
E ser tachado de louco,
Pra tantos seria o fim...

Pelo que sei, a ele não causou dano!
Sua vida realmente foi vivida
Depois que tudo deixou
Por amor a Jesus Cristo...
Foi aí que encontrou
Na senhora dama pobreza
A grande felicidade!
Sua esposa, namorada,
Aquela que tanto amou!

Os amigos, não perdeu,
Pois os ganhou para Deus.
Fez-se pobre entre os pobres
Amou tanto a natureza
Que defendeu com ardor:
Plantas e animais,
Água, sol, lua e estrelas
E tudo que Deus criou.

3 comentários:

Leticia disse...

Francisco de Assis!
O mais humilde dos santos, o mais humilde dos homens.
Uma vez um frei, seu amigo, teve uma visão do céu onde haviam vários tronos.
No centro de todos eles havia um trono maior e de beleza superior a todos os outros. Todos os tronos estavam ocupados, menos este.
Então em sua visão o frei perguntou de quem era aquele trono tão formoso. Um anjo lhe respondeu que aquele trono estava guardado para o homem mais humilde: era para São Francisco.
A oração de São Francisco é um ensinamento a esta humildade e a paz.
bjos

Raquel disse...

Quando eu era criança aprendi uma musica de São Francisco, que nunca mais esqueci...
Adorava cantar esta musica!

São Francisco
Vinícius de Moraes/Paulo Soledade


Lá vai São Francisco
Pelo caminho
De pé descalço
Tão pobrezinho
Dormindo à noite
Junto ao moinho
Bebendo a água
Do ribeirinho.

Lá vai São Francisco
De pé no chão
Levando nada
No seu surrão
Dizendo ao vento
Bom-dia, amigo
Dizendo ao fogo
Saúde, irmão.

Lá vai São Francisco
Pelo caminho
Levando ao colo
Jesuscristinho
Fazendo festa
No menininho
Contando histórias
Pros passarinhos.

Que saudades daquele tempo...
Bjos

Silvinh@ disse...

Grande São Francisco!!!

Francisco de Assis foi uma criatura de paz e de bem, terno e amoroso. Amava os animais, as plantas e toda a natureza. Poeta, cantava o Sol, a Lua e as Estrelas. Sua alegria, sua simplicidade, sua ternura lhe granjearam estima e simpatia tais que fizeram dele um dos santos mais populares dos nossos dias.

Protetor dos pobres, doentes, animais e da lavoura...

São Francisco de Assis, Rogai por nós e por nossas Famíliaa!!!

Vamos rezar amigos-irmãos???

Senhor! Fazei de mim um instrumento da vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor.
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão.
Onde houver discórdia, que eu leve a união.
Onde houver dúvidas, que eu leve a fé.
Onde houver erro, que eu leve a verdade.
Onde houver desespero, que eu leve a esperança.
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria.
Onde houver trevas, que eu leve a luz.

Ó Mestre, fazei que eu procure mais:
consolar, que ser consolado;
compreender, que ser compreendido;
amar, que ser amado.
Pois é dando que se recebe.
É perdoando que se é perdoado.
E é morrendo que se vive para a vida eterna.

Silvinha

Postar um comentário